Twitter e o Pôr do Sol

Sim, estou usando o Twitter. Escrevi algumas vezes. Agora escrevo só de vez em quando. Da vida dos outros, dos tais famosos, também me cansei. Quando a gente começa a ver que tem tanta gente fazendo coisas supostamente mais interessantes do que o que estamos fazendo, podemos achar que nossa vida é sem graça e que nossa meta deve ser essa ou aquela vida.

Aí que a gente erra. Primeiro por não darmos valor ao que temos e achar que a felicidade está sempre um passo adiante, uma compra adiante, um relacionamento adiante. Não está. O maior desafio é tentar enxergar a felicidade daquele momento, por mais simples que ela seja, por mais brega que possa parecer, por mais gosto de ‘bolo simples e sem cobertura’ que tenha.

Segundo, porque erramos em nos interessar mais pela vida dos outros do que pela nossa. A vida de todo mundo dá um livro, mais ou menos interessante, mais ou menos apoteótico, mas é uma narrativa de vida e ela não precisa “dar certo”, o que quer que isso signifique num contexto capitalista. Claro que temos que ter metas, temos que ser ambiciosos, mas egoísmo é um negócio horroroso e muitas pessoas acreditam que devem “chegar lá” a qualquer custo, mesmo que puxando tapetes alheios ou sendo desleal. Quando a gente coloca metas reais pra alcançar um sonho que parece irreal, damos o primeiro passo em direção à realização pessoal, que é apenas outro nome da felicidade. Conservar e cuidar dos amigos, respeitar nossos sentimentos e motivos, ser leal, honesto e sincero, encurta e facilita o caminho até a felicidade.

Por isso, eu não acho o twitter o máximo, não dou muita importância (embora isso tenha sido capa de revista um monte de vezes… assim como o orkut) e não quero saber o que estão fazendo ou onde estão alguns fulanos pouco ou muito famosos por aí. Quero saber de mim e de quem eu amo, dos meus amigos e amigas mais que queridas, das pessoas que tem algo a me dizer, e sobre esses, posso até recorrer ao twitter. E principalmente, não quero desperdiçar meu tempo, meus recursos e minha energia. A gente perde tanto tempo adquirindo informações que amanhã não servirão para nada! Já pensou nisso?

Na minha frente, entra pela janela uma luz dourada típica de um pôr do sol de inverno. Vai durar apenas alguns minutos e logo terá desaparecido na noite. “Nothing gold can stay” (“nada que é dourado pode durar), já dizia o poeta. Prefiro assistir ao pôr do sol a ficar correndo atrás de bits e bytes. No silêncio das máquinas desligadas e de mim mesma. “The grass below… Above, the vaulted sky” (“A grama embaixo… Acima, o céu arredondado”).

 

img_6926

O pôr do sol na janela… Não é lindo?

 

E pra quem tá em Sampa, neste final de semana acontece a Feira de Artesanato da Vila Madalena, na Rua Fradique Coutinho, dia 16, a partir das 8h. Vai passear! 😉 

Anúncios

9 thoughts on “Twitter e o Pôr do Sol”

  1. Tem toda razão, querida. O blog já me toma tanto tempo. Ontem fiquei mais de duas horas editando fotos. Se eu for comentar em todos os blogs que comentam no meu, fico mais duas. E a vida lá fora? E esse mundo lindo cheio de coisas pra gente ver?? Não, a gente precisa lembrar que a vida real é muito, muito melhor. Que o digam nossos encontros.

    B-jo enorme.
    Vi o e-mail das tachas, mas tô toda enrolada essa semana no trabalho, nem consegui responder. Quando quiser marcar, tô dentro. Aliás, tô dentro e ansiosa pra tachar tu-do! rs…

  2. Eu, que trabalho com internet não tenho a menor paciência para tanta rede social, veja só!!!. Porém querida, olho ao meu redor e vejo que a verdadeira rede social está ao meu lado, compartilhando o dia-a-dia e que sabe profundamente o que estou sentindo. um beijo grande e vou sentir muito não poder passear na feira da vila esse ano.

  3. Renata, concordo com você no sentido de que é preciso saber usar os recursos que temos de comunicação e aprendizado, mas com racionalidade e moderação. Eu usei muito o orkut para participar de duas comunidades que trouxeram bons contatos profissionais e de amizade: cibercultura e britrock. Hoje só entro na minha página qdo quero pegar dicas de coisas e ações p/ resolver problemas com minhas duas gatinhas ( em comunidade sobre gatos).
    Por ser professora e jornalista, tenho perfil em redes que até já esqueci os nomes.. Tenho de testá-las até pra comentar sobre elas com alunos, por exemplo. Eu uso o twitter com alguma regularidade, desde 2007, onde sigo apenas gente que me interessa ou amigos mais chegados. Com isso, posso ter contato quase direto com pesquisadores e jornalistas de outros países e de outros estados brasileiros. Gente que eu talvez tivesse muita dificuldade ou até mesmo impossibilidade de encontrar face a face. Eu defendo o uso do twitter, do plurk e de outros do gênero, para trocar informações ou só pegar informações “quentes” na fonte.
    Também sou usuária das redes de blogs. Exemplo: blogs de moda (dos quais sou apenas observadora). Eu via muitos. Tempo perdido, como vc disse. Larguei vários cheios de receitinhas e tatibitatis e escolhi alguns para ver sempre. Descobri o teu – e gosto das tuas reflexões – por meio da lista de atualizados da Lily Zemuner, que eu também só conheço pelas fotos do blog..rs.
    E assim a gente vai construindo a rede que vale à pena, com o tempo e experiência. Tem de dosar o uso desse tempo online. Eu também adoro natureza. =)
    O comentário ficou gigante, mas é que eu me empolguei…rs

  4. Rê, vc tem toda a razão; a gente fica tão absorvido pela tecnologia , por ter que aprenser a usar tudo, ler tudo, passar em todos os sites que acho q muita gente desaprende a viver no mundo real. O que falar c os amigos, como pasar o tempo c os filhos, c o marido??????
    E o pior, quem somos e o que fazemos qdo estamos sozinhos, obrigados a encarar a nós mesmos??????
    Mil bjus…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s