Arquivo de etiquetas: mensagem

Hoje

Ouvi uma história bem bonita sobre os porcos-espinho. Não sei se há verdade “biológica” mas é uma boa metáfora. No começo da Era Glacial, os animais começaram a dormir e andar em bandos para se aquecer. Os porcos-espinho também fizeram a mesma coisa mas enfrentaram um problema que os outros animais não tinham: ao se tocarem, também se feriam. Isso os afastou por um tempo. Logo, muitos deles começaram a morrer de frio. Os que sobreviveram tiveram a ideia de se juntarem novamente para se aquecer. Sim, eles continuavam se espetando mas aquilo era insignificante diante do bem-estar e do calor que vinham do fato de estarem juntos.

 

Pensando em nós, humanos, é mais ou menos a mesma coisa. Às vezes, estar junto pode machucar. Mas quem consegue viver sozinho? Solidão pode matar… E não estou falando apenas de laços afetivos amorosos, com quem a gente escolhe para compartilhar a vida. Mas de família, de amigos, de todo mundo que está perto e um dia pode ferir. Quando isso acontecer, lembre-se do calor, do aconchego, da vida. Não é que isso torna as coisas “fáceis de aguentar”. É muito melhor que isso: é assim que a gente aprende a viver.

Hoje é dia de trabalho, correria e cansaço. Mas também é dia de viver, de sorrir e de abraçar. Não se esqueça disso!

Fim de Ano

Então, o ano já está acabando. É nessa época que a maioria das pessoas fica estressada e desesperada com a quantidade de dinheiro que vai gastar com presentes que nem sabe ao certo se vão agradar. Pior ainda, também não sabe se vai gostar do que vai ganhar.

Uma pesquisa feita nos EUA concluiu que 64% dos presentes de Natal vão parar no fundo do armário. Além disso, imagine a quantidade de energia, combustível e sola de sapato que se gasta andando por aí. Pensando bem, é um desgaste desnecessário.

Por isso, minha pequena mensagem agora é: dê um presente que valha muito. Já pensou que levar uma amiga pra uma almoço caprichado, conversar bastante e trocar afeto pode ser melhor do que uma blusa que ela vai duas ou três vezes na vida? Uma lembrancinha, acompanhada de uma carta carinhosa, é melhor do que um “vale qualquer coisa” totalmente impessoal? Uma coisa feita pelas suas mãos, pequena e graciosa, será algo que será apreciado durante o ano com carinho? Presentes são uma delícia de dar e receber quando conhecemos quem os vai receber e sabemos que a pessoa vai gostar. Mas se não for isso, serve pra quê? Desperdício…

Agora que quase todo o mundo para pra comemorar o ano que está chegando, também é uma chance (e uma boa desculpa) pra retomar relacionamentos que lamentamos ter deixado pra trás, refazer laços que não deveriam ter se rompido, doar nosso tempo e nosso carinho. Mais do que presentes caros, mais do que uma casa enfeitada, ganhar uma família feliz e sorrisos sinceros vale mais que qualquer coisa.

 Abracem, beijem e sorriam!

Nos vemos em 2010!