Arquivo de etiquetas: indicação

O Almodóvar do Líbano

 

Um salão de cabeleireiro… quer um universo mais feminino do que este? Pois foi exatamente onde Nadine Labaki centralizou a ação de Caramelo, um belíssimo filme de 2007 que trata, principalmente, do universo feminino. As mulheres lindas, ou nem tanto, exageradamente maquiadas e enfeitadas, enfrentam dilemas comuns a todas as mulheres do mundo. A paixão pelo homem errado, a escolha, o medo de envelhecer, o medo de ficar sozinha… é quase um Almodóvar libanês. Metáforas delicadas, como o caramelo, o sangue e a pomba (preste atenção) e os cabelos, produzem momentos de delicadeza e poesia. Repare também como a música e o figurino conversam com o diretor espanhol e suas mulheres fortes. Nadine, aliás, é também a protagonista e dona de uma beleza hipnotizante. Lindo demais. Pra assistir muitas vezes e reparar nos detalhes. Heloui, Ya Habibi!

 

 

 

Sobre a Alemanha Nazista e seus arredores

Recentemente, assisti 3 filmes que abordavam, direta ou indiretamente, o nazismo.

 

 

Não se deixe enganar pelo elenco estrelar de Operação Valkiria. O filme é fantástico. Trata da última das 13 tentativas feitas por alemães de assassinar Hitler. No papel principal, Tom Cruise está ótimo. Repare nas caracterizações perfeitas, tanto de figurino, quanto de cenário e locação, as mesmas da história real. O figurino, em particular, foi feito com tanto capricho nos detalhes (a lã usada nos uniformes veio da mesma fábrica da época de Hitler) que quando Tom Cruise se viu caracterizado pela primeira vez no espelho ele passou mal a ponto de vomitar. Não perca.

.

 

 

A Espiã não é um filme alemão, mas holandês. É interessante porque quase não se ouve falar da Holanda nesse período. A maioria das narrativas envolvendo nazismo e 2ª Guerra se passa na Alemanha, Polônia, Áustria… Enfim, a história é bem verossímil e as interpretações vicerais (Sebastian Koch, do ótimo A Vida dos Outros, faz parte do elenco). Bom pra conhecer um pouco mais a história do ponto de vista dos holandeses e ouvir um pouco essa língua diferente de quase tudo que você já ouviu. E preste atenção ao figurino… Lindoooo!!!

.

 

 

Baseado no best seller homônimo, O Garoto de Pijama Listrado é um dramalhão. Releve algumas interpretações forçadas, umas escorregadas na verossimilhança e concentre-se na fábula de amizade e tolerância, que tem como protagonistas dois meninos de 8 anos: um alemãozinho, filho de um comandante, e um judeu, filho de um relojoeiro. Segure-se e vá até o final. Ah, prepare os lenços. Mesmo…

.

 

Tá, esse já tem um tempinho, mas se você ainda não assistiu, assista já! Kate Winslet arrebatou o Oscar de Melhor Atriz por O Leitor, esse filme que ela leva nas costas brilhantemente. Também baseado em romance homônimo. Lindo, lindo, lindo… Não tem muito mais o que falar.

 

Bom “cinema”!